A operadoras financeiras Visa e Mastercad afirmaram na tarde de ontem que 1,5 milhões de dados de cartões de crédito foram roubados.

Na sexta-feira (30) a processadora de pagamentos Global Payments havia revelado uma possível falha de segurança em seu sistema, que permitiu o acesso de crackers aos dados dos usuários de cartões com as bandeiras Visa e Mastercard.

Ao jornal The Wall Street Journal, a empresa afirmou que após medidas de segurança conseguiram conter o acesso dos crackers. Além disso, a Global Payments confirmou, no entanto, que os nomes, endereços e dados da segurança social dos usuários não foram roubados pelos criminosos.

No entanto, durante o acesso dos criminosos eles conseguiram fazer o download dos números dos cartões de crédito, que poderão ser utilizados em golpes online. Segundo a empresa, os usuários afetados ainda não foram notificados sobre o caso, mas a Visa já retirou seus pagamentos do controle da Global Payments.

A empresa também revelou que a brecha de segurança explorada estava limitada apenas a uma parte de seus servidores e não envolveu nenhum outro parceiro.

Como a empresa atua somente nos Estados Unidos, apenas usuários deste país foram afetados pela falha, mas turistas que utilizaram seus cartões em viagens também podem ter sido vítimas dos crackers e é recomendável verificar com a operadora de cartões e checar se suas movimentações passaram pelo processamento desta empresa.

Fonte: http://info.abril.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Verifique também

Novo iPhone pode ser lançado dia 13 de outubro, sugerem fontes.

A Apple pode estar próxima de lançar o novo iPhone 12 no dia 13 de outubro. A informação é…