Publicamos “Meu celular comeu poeira do Windows Phone”, você acredita? e mostra o desespero da Microsoft em mostrar que é melhor e mais rápido que os concorrentes. Abaixo você vai ler que eles criam uma disputa e perderam, ae diz pro rapaz que ele não venceu, depois e foi a publico a notícia Microsoft disse: “Ei, @sahaskatta, @Microsoftstore e eu queremos resolver isso. Tenho um laptop e um smartphone (e um pedido de desculpas) para você. Mande-me um e-mail!”

hahahahahah

 

Alguém na Microsoft teve uma ideia “genial”, que acabaria se revelando desastrosa para a imagem da empresa. Quem fosse a uma das 14 lojas Microsoft nos Estados Unidos teria a chance de ganhar um prêmio no valor de 100 dólares. Bastava demonstrar que seu smartphone com outro sistema operacional era mais veloz que um aparelho com Windows Phone. O problema é que o Windows perdeu a briga para o Android, e a empresa demorou para admitir isso.

A campanha foi chamada de “Smoked by Windows Phone” (algo como “Comi poeira atrás do Windows Phone”). Uma promoção similar a ela já havia sido feita durante o evento CES, em janeiro. O desafiante tem de realizar alguma tarefa em seu smartphone enquanto um vendedor da loja faz o mesmo num aparelho com Windows. Quem terminar primeiro ganha. O perdedor é convidado a se deixar fotografar em frente a um cartaz onde está escrito “My Android was smoked by Windows Phone”.

Ao longo do último fim-de-semana, várias pessoas tentaram e perderam o desafio. Uma loja em Santa Clara, na Califórnia, aumentou o prêmio: o vencedor levaria um notebook HP no valor de 1.000 dólares e mais um smartphone Lumia 800, da Nokia, com preço de tabela de 900 dólares. Mas a empresa subestimou a versatilidade do Android e a esperteza do blogueiro Sahas Katta.

Katta configurou seu smartphone Galaxy Nexus para não apresentar a tela de desbloqueio ao ser acionado. Essa opção do Android faz com que, quando se pressiona o botão Ligar, o smartphone mostre a tela inicial imediatamente. Katta também havia instalado dois widgets que mostram a previsão do tempo na tela inicial do aparelho, cada um exibindo dados de uma cidade diferente.

Para a alegria de Katta, a tarefa proposta pelo vendedor foi apresentar a previsão do tempo para duas cidades distintas. Katta desligou e ligou novamente seu Galaxy Nexus em frente ao vendedor, para deixar claro que não tinha nenhum aplicativo pré-carregado. Depois de uma breve contagem regressiva, ele acionou o aparelho e gritou “pronto”, mostrando os widgets com a previsão do tempo na tela.

O vendedor terminou a tarefa no Windows Phone uma fração de segundo depois. O que se seguiu, então, foi um diálogo estranho. Os vendedores disseram que Katta havia perdido, mas não apresentaram uma justificativa aceitável para isso. Parecia que eles simplesmente não consideravam a possibilidade de ser derrotados.

Katta foi embora frustrado e prontamente relatou a história em seu blog. A notícia se espalhou pelas redes sociais e chegou à sede da Microsoft. Poucas horas depois, o evangelista da Microsoft Ben Rudolph escreveu no Twitter: “Ei, @sahaskatta, @Microsoftstore e eu queremos resolver isso. Tenho um laptop e um smartphone (e um pedido de desculpas) para você. Mande-me um e-mail!”

Katta recebeu o prêmio colocou os aparelhos à venda no eBay. Ele diz que vai doar o dinheiro a uma instituição de caridade. Este vídeo da Microsoft (em inglês) mostra alguns clientes de uma loja perdendo a disputa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Verifique também

Novo iPhone pode ser lançado dia 13 de outubro, sugerem fontes.

A Apple pode estar próxima de lançar o novo iPhone 12 no dia 13 de outubro. A informação é…