O engenheiro Damian Menscher, responsável pela manutenção de data centers do Google, denunciou a existência de uma rede zumbi de um milhão de PCs que tenta atacar os serviços de busca da empresa de Mountain View.

Segundo Menscher, a rede é formada por máquinas com Windows infectadas por algum malware de redirecionanento de navegação. O código malicioso muda a configuração de proxy dos browsers dos usuários e os utiliza para acessar sites sem a permissão do usuário.


Para Menscher,  esta  rede vem sendo usada para realizar vários acessos simultâneos aos serviços de busca do Google, o chamado ataque de negação de serviço que, até o momento, diz Menscher, foram contornados por sua companhia.

O método de ataque não é novo e é relativamente comum na web. Para tentar desfazer a rede zumbi, o Google está enviando mensagens aos PCs que ele identificou como infectados pedindo que seus donos realizem procedimentos de segurança, como mudar a configuração de proxy do browser, atualizar o antivírus e a versão de seu sistema operacional.

http://info.abril.com.br/noticias

Um comentário

  1. Rafael Oliveira

    30 de setembro de 2012 em 10:27

    Feitooooooooo,volto!!!!

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Verifique também

Novo iPhone pode ser lançado dia 13 de outubro, sugerem fontes.

A Apple pode estar próxima de lançar o novo iPhone 12 no dia 13 de outubro. A informação é…