O incessante grupo hacker LulzSec agora mira seus ataques no serviço de jogos online da Microsoft.

O grupo de hackers LulzSec, que ultimamente vem atacando sistematicamente órgãos governamentais e desenvolvedoras de jogos, publicou um arquivo com logins e senhas de usuários do Xbox LIVE. Além da rede do console da Microsoft, informações de acesso ao Facebook, PayPal e Twitter também estão inclusas no documento, que atinge aproximadamente 62 mil contas, em sua maioria americanas.

De acordo com a rede de notícias CBC, os dados foram publicados em diversos sites de compartilhamentos de arquivos e foram baixadas “milhares de vezes” antes de serem retiradas do ar. De acordo com o LulzSec, as informações teriam sido utilizadas por diversos usuários para fins “nefastos”.

A Microsoft se pronunciou afirmando que a Xbox LIVE não foi hackeada, e que os logins e senhas divulgados não correspondem a usuários reais. “Não temos provas de que [o serviço foi invadido]. O grupo parece ter postado uma lista de milhares de endereços de email e senhas, e encoraja os usuários a tentar acessar [a rede] na esperança de que algum usuário utilize a mesma combinação em mais de um [local]”, conclui o comunicado oficial.

Guerra Mundial do Cibercrime

O LulzSec é um grupo hacker de origem desconhecida, que seria dissidente do Anonymous, responsável pelo ataque à PlayStation Network. Os criminosos agem sem motivo aparente e afirmam atuar apenas “para se divertir”. Sites da CodemastersBethesda e até mesmo a CIA já foram alvos de ataques.

O grupo de hackers publicou ontem uma declaração “formal” de guerra às empresas e órgãos governamentais, convidando qualquer um que queira se engajar na “luta pela liberdade na internet”. Segundo o LulzSec, a prioridade da operação é obter emails e senhas de membros-chave do governo, bancos e outras multinacionais.

 

Fonte: http://www.tecmundo.com.br

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Leia também

Jim Ryan, CEO da Sony, está “desanimado” com as atitudes da Activision Blizzard

TODOS ESTAMOS DESANIMADOS COM ELES Jim Ryan, CEO da Sony, está “desanimado” co…