Activision: Não lanças um Motor, mas sim um jogo

imagem

A Activision e os seus estúdios produtores de Call of Duty: Modern Warfare 3 continuam em luta de palavras contra o seu mais direto concorrente deste ano Battlefield 3, e o mesmo tem acontecido do lado da EA.

As mais recentes declarações vêm do estúdio Sledgehammer, que tem estado a trabalhar no Modern Warfare 3 em conjunto com o estúdio Infinity Ward.

Em declarações ao site AusGamers, o co-fundador do estúdio, Glen Schofield, fala sobre a importância de terem um jogo a correr a 60fps nos consoles, algo que os concorrentes não têm.

É sabido que Battlefield 3 não irá correr a 60fps nos consoles mas sim a 30fps, o que causou algumas críticas por parte de alguns jogadores.

Sobre este assunto, Glen Schofield comentou, “Poderás dar o nome que quiseres ao teu motor de jogo. Já o fizemos antes e conheço esse truque, mas no fundo apenas isto, este jogo irá correr a 60 frames por segundo. Não tenho a certeza se algum dos nossos concorrentes irão ter”.

Schofield continuou, “Não sei se já vi qualquer dos nossos concorrentes a correr num console, especificamente a 60fps, e ficaria um pouco assustado neste momento – em junho – se olhasse para a frente para um jogo em particular e visse que não corre a 60fps nos consoles. Penso que os 60 são a nossa vantagem competitiva e não o iremos desperdiçar. Não irás lançar um motor de jogo, irás lançar um jogo”.

Call of Duty: Modern Warfare 3 será lançado no dia 8 de novembro de 2011 para a Xbox 360, PS3 e PC.

fonte: http://www.gamevicio.com.br/i/noticias/85/85517-activision-nao-lancas-um-motor-mas-sim-um-jogo/index.html

 

__________________________________________________________________

É Baiano, não terás supergráficos do jeito que gosta!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Verifique também

Homem perde R$ 2,6 mi em games após mãe jogar coleção fora

Colecionador de jogos afirma ter perdido mais de US$ 500 mil em coleção de games e console…