Storage da Qnap capricha na velocidade

Velocidade de escrita e leitura são boas, mas interface é lenta e trava

 

O TS-219P+, da Qnap, é um paralelepípedo metálico capaz de armazenar, em dois HDs, 4 TB de dados com uma boa velocidade de escrita. Voltado para a pequena empresa, a pequena unidade de armazenamento é elegante, faz pouco ruído e traz 3 portas USB 2.0, 2 portas eSata, conexão Gigabith Ethernet e compatibilidade com diversos protocolos comuns no universo dos escritórios. Um ponto negativo do produto, levantado durante os testes do INFOlab, é a instabilidade da interface de configuração. Além de ser muito lenta, ela travou em diversos momentos. Essa característica mancha a reputação de um produto que custa 2.998 reais.

Medindo 10,2 por 15,5 por 21,6 centímetros, o TS-219P+ é um produto pequeno. Sua construção em metal escovado e plástico preto para a face frontal é bastante elegante. Ele conta com pequenos leds que indicam o funcionamento dos HDs, da porta Ethernet e das conexões eSata. O transporte dessa unidade não é dos mais sofríveis, já que ela pesa 2,9 Kg, o que não é muito para a categoria. Um de seus concorrentes diretos, o ix4-200d, da Iomega, pesa 5,5 Kg e mede 19,3 por 19,9 por 16,8 centímetros.

As 3 portas USB do produto permitem a conexão com outros dispositivos de armazenamento, impressoras de rede ou um adaptador Wi-Fi, que é vendido separadamente. Uma delas fica na face frontal, as demais na traseira, onde também estão as eSata e a Gibabit Ethernet.

A interface web tem um visual bonito, traz diversas funções e é fácil de usar, mas ela possui um grande e sério problema: travamentos e erros frequentes. Mas, se um uso frequente do painel não for necessário, esse problema não vai gerar tanto incômodo. Esse modelo da Qnap também traz cliente BitTorrent incorporado, faz downloads http, FTP e RapidShare.

O TS-219P+ oferece controle por usuários e grupos, permitindo a configuração de restrições de leitura e gravação, cotas de espaço para usuários e criação de várias contas simultaneamente (com prefixo e número sequencial). O Backup dos dados pode ser realizado via Apple Time Machine, dispositivo externo, EMC Retrospect, Cloud (Amazon S3 e ElephantDrive), além de um botão frontal para backup instantâneo, que pode ser configurado para melhor atender as necessidades do usuário.

A unidade é compatível com os protocolos CIFS/SMB, AFP (3.1), NFS, FTP, HTTP, HTTPS, Telnet, SSH, iSCSI e SNMP. Ela também oferece alertas via SMS e e-mail, emulação de disco virtual, montagem de ISO, de vigilância, servidor de MySQL e compartilhamento de impressora.

Fonte aqui!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Verifique também

Telegram testa chamadas de voz em grupo

Em breve, o Telegram permitirá chamadas de voz em grupos. O recurso está em testes na vers…