O mercado de videojogos está mudando em grande ritmo, e muitas editoras estão se posicionando de forma estratégica em quase todas as frentes, pensando que assim poderão acompanhar a plataforma que irá ficar à frente num futuro próximo.

Uma dessas plataformas poderá ser o PC, principalmente na sua componente de jogos via digital.

Em declarações ao Gamasutra, Frank Gibeau, presidente da marca EA Games, fala sobre as estratégias de mercado da companhia, principalmente sobre o que o futuro trará.

Frank Gibeau demonstra muita confiança na plataforma PC, acreditando que poderá ser a maior plataforma para a marca num futuro próximo.

O executivo comentou, “A base de utilizadores é gigante. O retalho no PC poderá um enorme problema, mas o downloads para PC são fantásticos… As margens são muito melhores e não temos nenhumas regras em termos de aprovação por parte das first party. Na nossa perspectiva, é uma plataforma extremamente saudável. É totalmente concebível que se tornará na nossa maior plataforma”.

Gibeau dá o exemplo dos jogos para o Facebook, onde a marca Playfish da EA, já é a segunda editora que mais jogos tem na rede social, bem como conta com mais de 6 milhões de jogadores diários. Apenas ultrapassada pela Zynga.

Também é referido o modelo free2play, onde a EA tem estado a investir, dando como exemplo o mercado da China, onde o PC é a plataforma dominante. Gibeau acredita que o mesmo irá se passar no Ocidente.


Fonte:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Leia também

China proíbe menores de 18 anos de jogar videogame por mais de 3h semanais.

Jovens chineses só podem jogar aos finais de semana e feriados, entre 20h e 21h, e precisa…