Na semana passada o grupo fail0verflow disse ter conseguido a chave de criptografia  do PS3. Com ela, qualquer pessoa poderia criar programas para o console e rodá-los nativamente. Mas no lugar de liberar a chave propriamente dita o grupo disponibilizou em seu site ferramentas para que os programas criados por terceiros fossem certificados com a chave e rodassem sem problemas no console. Isso, no entanto, não foi o suficiente para um hacker específico: George “Geohot” Hotz.

Adivinha quem não aposentei?

Conhecido por explorar falhas nos mais diversos gadgets da Apple, principalmente do iPhone, o hacker disse ter se aposentado em agosto do ano passado, por dizer que ‘não era mais divertido’. Hoje ele provou que não consegue ficar muito tempo por fora da cena hacker: Geohot liberou em seu site as chaves do PS3 que o grupo encontrou, com os devidos créditos.

E essa não é a primeira vez que o Geohot encara as falhas de programação do PS3. No ano passado ele descobriu uma falha no console e que poderia ser usada para a instalação de um sistema operacional alternativo nele. Essa opção já existia e era oficial, mas a Sony desabilitou com uma atualização de firmware.

Dessa vez não foi diferente: com a liberação das chaves, o hacker disse para “usar essas informações com consciência”. Ironicamente, Na mesma página ele diz que que não condena a pirataria. Ok né?

Fonte: Kotaku Brasil.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Verifique também

Novo iPhone pode ser lançado dia 13 de outubro, sugerem fontes.

A Apple pode estar próxima de lançar o novo iPhone 12 no dia 13 de outubro. A informação é…