Notícias Gerais...

Tribunal aceita tique azul do WhatsApp como prova judicial

Na Índia, um imbróglio familiar teve o WhatsApp como ferramenta judicial quando um juiz aceitou o tique duplo azul como comprovação de que uma série de notificações foram recebidas.

O caso aconteceu em Delhi, segundo reporta o Indian Express. Um homem pediu na Justiça que seu filho, a nora, seus pais e mais um amigo fossem impedidos de entrar em sua casa; quando o tribunal ordenou que todos os envolvidos fossem notificados, ele argumentou que não haveria tempo hábil para tal, e que as pessoas poderiam acabar aparecendo antes da entrega, então a Justiça permitiu que os avisos fossem feitos pelo WhatsApp.

O demandante entregou a notificação ao filho em mãos, mas o fez via WhatsApp aos demais. Assim que viu os dois tiques azuis, tirou capturas de tela e as levou ao tribunal, que aceitou aquilo como comprovação de que as pessoas estavam avisadas. “Esses réus, portanto, certamente tiveram conhecimento das convocações e da audiência hoje”, avaliou a Justiça.

Fonte: olhardigital

COBRA-KABANNA

Baiano, Casado, Pai da Joana, ADM, Torcedor do Vasco, Extrovertido, Determinado, Crítico, Sistemático, flexível, Justo, louco por PC, acredito nos meus ideais de vida e não tenho telhado de vidro. Co-fundador Clan COBRA e criador desse site.

Facebook Comments

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Check Also

Reconhecimento facial do OnePlus 5T é bem mais rápido que do iPhone X, mas menos seguro

O OnePlus 5T, lançado nessa semana, é um smartphone Android high-end que tem sido muito comparado ao iPhone X, trazendo características bem interessantes ...